domingo, 3 de julho de 2016

A nova temporada de animes chegou, mas o que assistir?


Não há novidade alguma de que o mercado das animações japonesas se tornou uma máquina rentável que produz anualmente inúmeros trabalhos para os mais variados gostos e vontades. Principalmente devido a crescente recepção dos produtos japoneses no ocidente, existe uma verdadeira massificação na produção de animes, o que acaba criando uma série de opções para os amantes dessa arte.

Então, com tantas possibilidades de escolha, o que assistir?

Primeiro é preciso entender que a cada nova "leva de animes", alguns gêneros sempre se repetirão, ou seja, serão lançados animes com histórias, personagens e estilos da narrativa muito similares, o que não necessariamente quer dizer que são cópias ou plágios de outros trabalhos. Gêneros como Mecha e Harem (peitos) aparecem a todo momento, assim como é extremamente comum ver vários animes com garotinhas (muito apreciados pelos japoneses, por sinal) a cada temporada.

De histórias sobre pessoas presas em um mundo virtual, onde precisam sobreviver como se fossem personagens de um jogo a histórias sobre alguém capaz de voltar no tempo, o tema "idols" é outro que se tornou bastante popular nos últimos anos (para os curiosos, idol é o nome dado para personalidades da mídia em sua adolescência e juventude que são considerados particularmente atraentes ou bonitos e que aparecem regularmente na mídia de massa como cantores de grupos pop, atores, personalidades de TV ou modelos - fonte: Asian World).

Ainda assim, esses não são animes a serem evitados. Só é importante perceber que, assim como os famosos shounens como Naruto, Bleach e One Piece, animes com gêneros recorrentes terão uma fórmula que será seguida, sendo necessário encará-los com uma mente aberta e com disposição para aproveitá-los.

Outro cuidado que é pede atenção quando uma nova leva de animes chega, é perceber que são lançadas continuações junto a novos trabalhos. Um fã desavisado, por exemplo, pode pegar um novo anime sem saber que está se deparando com spoilers atrás de spoilers de uma segunda temporada (o que pode ser desastroso).

Uma maneira de se precaver de pegar um anime em continuação ou até mesmo um anime ruim, é fazer uma pesquisa sobre o que se está a assistir. Afinal, o google está ai para todos, mas sempre é bom ter sites especializados para auxiliar quando se fala em animes. Aqui, como indicação pessoal, há o MyAnimeList que, apesar de ser em inglês, possui uma excelente base de dados, onde é possível achar informações, reviews, datas e opiniões do público sobre basicamente qualquer anime. Ainda, nesse site, é possível fazer uma lista com animes que já tenha assistido, esteja ou pretenda assistir no futuro (ajuda muito, sou usuário há quase 8 anos!)

Orange, nova adaptação do estúdio Telecom Animation Film - Imagem: Reprodução Internet

Mesmo diante de tantas opções, sempre existem alguns trabalhos que definitivamente merecem destaque.

Com a nova temporada de animes que estreou nessa semana, ReLife segue a história de um desempregado de 27 anos que recebe a oportunidade de transformar sua vida ao tomar uma droga que muda sua aparência para um jovem de 17 anos. O anime já teve seu primeiro episódio exibido e aparenta ter agradado os fãs de romance escolar.

Do altamente popular mangá Orange, estreia uma adaptação em anime da história da jovem Naho Takamiya que recebe uma carta escrita por ela mesmo de 10 anos no futuro. A partir daí, Naho recebe a chance de corrigir os arrependimentos da sua eu do futuro fazendo as decisões corretas em sua vida.

Em mais um trabalho do caricato ONE (One Punch Man), Mob Psycho 100 conta a história de Kageyama Shigeo, um estudante com habilidades psíquicas que, após anos de desilusão com sua habilidade, apenas tem o desejo de se tornar amigo de uma garota da sua sala.

Ainda, para os fãs de Berserk, chega um reboot da história, contando novamente como Guts conheceu Puck através de um visual renovado em CG. Como um fã da franquia, gostaria de demonstrar minha decepção com esse novo projeto, pois, apesar de o traço do desenho ser realmente bem feito, o CG não funciona muito bem para as cenas de batalha e até chega a incomodar em meio a história. Sendo a obra consagrada que é, Berserk merecia uma animação da mais alta qualidade (da qualidade de Shingeki no Kyojin), mas o novo anime não é de todo ruim, trabalhemos com o que nos é dado.

Por fim, para quem aguardava suas continuações, chega, após quase 8 anos, D.Gray-man Hallow. Como continuação direta da história, os fãs poderão acompanhar novamente as aventuras de Allen Walker contra o Conde do Milênio. Volta também o anime de culinária e comédia que conquistou uma base de fãs em 2015 em Shokugeki no Souma: Ni no Sara, assim como Nanatsu no Taizai: Seisen no Shirushi, a segunda temporada da série, e mais um projeto da franquia  de garotas que tem o sonho de se tornarem idols, Love Live! Sunshine!!.

Você também pode gostar

Um comentário:

  1. Ah, tem um anime novo, Kanaberi of the Iron Fortress, muito bacana: https://www.youtube.com/watch?v=WKxBuCfIVeg

    ResponderExcluir