quinta-feira, 7 de abril de 2016

Kamen Rider Amazons reinventa o gênero Tokusatsu


Desde que foi anunciada, a web-série “Kamen Rider Amazons” tem despertado a curiosidade de muitos fãs da franquia e não fãs também. A série faz parte da comemoração de 45 anos dos Kamen Riders que já falamos algumas vezes aqui no Mega Hero. Se você não sabe o que é, clique aqui.

A primeira coisa que veio na minha cabeça e provavelmente na de outras pessoas foi: Será que essa nova série irá manter o mesmo ritmo da original de 1974? Quando digo manter o ritmo com certeza estou falando das cenas violentas e o banho de sangue quando Amazon atacava seus inimigos. Foi graças a esses elementos que a série ganhou notoriedade no meio e é uma das mais aclamadas do gênero. Uma dica? Procurem para assistir, é bem curtinha e vale muito a pena.

Kamen Rider Amazons de 2016 já começa com um grande diferencial, sua distribuição não é um canal televisivo e sim em um serviço semelhante ao Netflix chamado Amazon Prime (até nisso a Toei pensou heim?). Qual a diferença entre passar na TV e passar em um serviço online? Simples, em um canal on demand, a produtora tem uma liberdade criativa maior e não precisa “podar” seu produto por causa da censura. E convenhamos, uma série sobre Amazon tem que ter no mínimo alguns elementos que foram citados acima, é uma marca registrada.

O novo Amazon Alfa. Você não precisa assistir a série original para chegar até aqui - Foto: Reprodução internet

Se você não assistiu a original da década de 70, não se preocupe. Kamen Rider Amazons começa com uma nova história em um novo contexto para uma nova geração. Na trama, o Japão é alvo de uma série de ataques de criaturas conhecidas como “Amazon”, uma força tarefa chamada Nozama Peston Service sempre é acionada quando algum monstro aparece. Os “Amazons” aparentemente são experimentos da Nozama Pharmacy, supervisionada pela misteriosa Reika Mizusawa (Takako Kato).

A Nozama Peston Service conta com oficiais super bem treinados e um Amazon de “estimação” chamado Mamoru. Diferente dos outros, Mamoru é mais racional e sabe muito bem quais são os seus objetivos e alvos. No episódio somos também apresentados aos personagens Mizuki Mizusawa (Rena Takeda) que se esforça para cuidar de Haruka (Tom Fujita) que está muito adoentado. Paralela a essa história, um misterioso Amazon de cor avermelhada aparece e promete mudar o rumo da trama.

Os oficiais da Nozama Peston Service - Foto:  Reprodução internet

Kamen Rider Amazons tem um ritmo diferente para quem tá acostumado com as séries da franquia na televisão. Temos mais diálogos e o tempo de duração é maior, assemelhando com séries norte-americanas. O tratamento também é bastante diferenciado, as cenas possuem ângulos de filmagens diferentes e o tom de Amazons é sombrio, por isso toda película está em tons frios e escuros, que combinam com a densa temática.

As cenas de ação são bastantes presentes no primeiro episódio, mas não são o foco principal. Fica evidente que o diretor Hidenori Ishida (Kamen Rider Kabuto) quer levar você até o âmago da história e tudo isso está envolto em mistérios. E falando em Kamen Rider Kabuto, os fãs do personagem irão notar uma certa semelhança dele com o Amazon Alfa. Um ponto muito forte é que a série não entrega tudo de bandeja pra você, teremos que descobrir com o tempo o que é que realmente está acontecendo. E os fãs da série de 74 irão notar alguns “easter-eggs” colocados para deixar tudo ainda mais completo.

É um bom começo para a Toei Company, caso ela esteja interessada em criar outras séries nesse formato ou dar uma continuidade maior para Kamen Rider Amazons que está planejada para ter apenas 13 episódios. Para quem gosta de Tokusatsu é um prato cheio mas se você não é fã do gênero e ficou interessado depois de ler o nosso review, corre pra assistir. Você não vai se arrepender.

Você também pode gostar

4 comentários:

  1. Na verdade este kamen rider parece um dorama pois até o tempo do episódio é o mesmo e vai ter o mesmo tantl de capítulo que um dorama tem

    ResponderExcluir
  2. Na verdade este kamen rider parece um dorama pois até o tempo do episódio é o mesmo e vai ter o mesmo tantl de capítulo que um dorama tem

    ResponderExcluir
  3. Me deixou muito ansioso esse primeiro episódio. Acho que não fará referência a floresta amazônica dessa vez, mas confesso que seria bem legal lembrar da gente aqui.
    Nota 10 para os dois Amazons,não precisou de muitos minutos pra gente ver que essa é a abordagem que muitos estavam esperando.

    ResponderExcluir
  4. Me deixou muito ansioso esse primeiro episódio. Acho que não fará referência a floresta amazônica dessa vez, mas confesso que seria bem legal lembrar da gente aqui.
    Nota 10 para os dois Amazons,não precisou de muitos minutos pra gente ver que essa é a abordagem que muitos estavam esperando.

    ResponderExcluir