quarta-feira, 8 de julho de 2015

A entrada de Chris Roberson em Hellboy dá mais força a um dos melhores universos das HQs


Nesta terça-feira (7), a Dark Horse anunciou que o escritor Chris Roberson (iZombie, Casa dos Mistérios) será o roteirista de uma história de 12 partes para Hellboy Winter Special, além de participar do lado de Mike Mignola e do desenhista Paolo Rivera na série Hellboy & the B.R.P.D.

"Fiquei muito triste em ver o John (Arcudi, escritor de B.R.P.D.) sair", afirmou Mike Mignola, criador da franquia. Entretanto, para o escritor, a adição de Roberson é um atrativo de qualidade para o universo do demoníaco herói. "Quando o Chris escreveu o seu esboço para a revista, ele mostrou muito do meu material e conectou tantos pontos com tantos tópicos juntos que era evidente que é uma pessoa que gostaria de brincar com este mundo", celebrou.

A empolgação de Mignola com a entrada de Roberson demonstra muito mais do que a aquisição de um roteirista competente e antenado a produção já construída em Hellboy e suas revistas adjacentes. Ela confirma que uma das melhores características deste universo vai continuar sendo mantido e que as histórias seguirão com uma construção preocupada em respeitar o leitor e tentar levar o melhor que pode ser criado para aqueles personagens envolvidos.

iZombie é uma das criações mais famosas de Chris Roberson

Roberson tem em seu currículo trabalhos bastantes elogiados e competentes na sua execução. Entretanto, o principal é que o norte-americano tem boas referencias em histórias de terror e horror nos quadrinhos, sabendo dosar outros elementos como a comédia sem estragar todo o clima de mistério e suspense que é exigido de obras nesse quilate.

Para nós, brasileiros, que temos doses homeopáticas da franquia pela Mythos Editora, é esperar de forma paciente que esta fase não demore tanto desde o seu lançamento para a sua versão nacional. Por enquanto, o bom é saber que o caçador de bruxas mais famoso da atualidade continua sendo valorizado pelo seu criador, respeitando o seu público consumidor.

PS: Falando em Brasil, a Myhtos, editora que detém os direitos de Hellboy no Brasil, anunciou o lançamento da edição especial Hellboy - A Casa dos mortos-vivos e outras histórias (formato americano, capa dura, 176 páginas, preço não divulgado) que reunirá histórias fechadas do personagem, todas ainda inéditas por aqui.

Você também pode gostar

0 default-disqus:

Postar um comentário