Jumanji: Próxima Fase explora intensas emoções enquanto expande o universo do jogo


Bem vindos a Jumanji! Após o sucesso do primeiro filme em 2017 com o novo elenco e conceito, Jumanji: Próxima Fase expande ainda mais o universo do jogo trazendo de volta o grupo de amigos para uma nova aventura.

Spencer (Alex Wolff), agora um estudante universitário em Nova Iorque, volta para sua cidade para rever sua família, amigos e namorada. Seu avô Eddie (Danny DeVito) está morando temporariamente na casa por problemas de saúde e precisa se reconciliar com seu antigo amigo e parceiro de negócios, Milo Walker (Danny Glover).

Por sentir-se frustrado e isolado dos amigos, o rapaz acaba recorrendo aos destroços do videogame que o tragou para o mundo de Jumanji na primeira vez. Preocupados com o sumiço de Spencer, Fridge (Ser'Darius Blain), Martha (Morgan Turner) e Bethany (Madison Iseman) colocarão suas vidas em risco mais uma vez por seu amigo.

Repetindo a dose cômica da produção anterior, Dwayne Johnson, Jack Black, Kevin Hart e Karen Gillan são os avatares do grupo principal dentro do jogo. Mas desta vez nem tudo saiu como se imaginava, pois Jumanji levou Eddie e Milo junto com o os quatro amigos e os dois precisam primeiramente entender o que está acontecendo para depois tentarem ajudar de alguma forma.

Kevin Hart, Karen Gillan, Jack Black e Dwayne Johnson. Foto: Columbia Pictures/Sony

O filme traz alguns elementos repetidos da trama de 2017, como a própria missão de resgatar uma pedra mágica, algumas mortes e momentos marcantes da obra original. Mas ao mesmo tempo consegue trazer uma essência diferenciada com a presença de Eddie e Milo, que possuem questões pessoais e delicadas para serem discutidas durante a missão.

Além disso, antigos personagens e novas adições se somam ao grupo principal para aumentar ainda mais as habilidades necessárias para que passem por cada nova fase do jogo. Eles também precisam unir-se para derrotar um novo e assustador vilão Jurgen the Brutal (Rory McCann) que ameaça toda vida em Jumanji.

O roteiro continua a explorar bem a insegurança dos jovens que, em sua maioria, desejam tornar-se seus avatares para esquecerem os problemas do mundo real, ou entender qual o papel daquele personagem e no que ele pode ser útil, mesmo que sua aparência não agrade.

Os astros principais do filme apresentam uma ótima interpretação das personalidades dos personagens originas e rendem boas risadas. Cada um com suas habilidades específicas entre forças e fraquezas consegue contribuir para que a trama se desenrole até o objetivo ser conquistado.

Com bons efeitos especiais, trilha sonora e a famosa percussão de Jumanji, o longa consegue trazer a mesma química entre os personagens com uma trama simples, muita comédia e boas cenas de ação, apresentando mais uma grande aventura para fortalecer a amizade e concluir de vez a relação deles com o jogo...ou pelo menos, foi isso que eles pensavam!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

author
MEGA HERO
O nosso propósito é compartilhar conteúdo de qualidade e inspirar você a criar.