segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Strike faz ótima adaptação literária do romance policial de J. K. Rowling O Chamado do Cuco


O Chamado do Cuco, livro do autor Robert Galbraith de abril de 2013, ganha sua adaptação para a televisão no segundo semestre de 2017. Dividido em três partes, o seriado recebeu o nome de Strike, sobrenome do novo detetive Cormoran Strike, que já possui pelo menos três grandes casos em seu portfólio até o momento com os romances policiais: O Chamado do Cuco, O Bicho da Seda e Vocação para o Mal, todos publicados no Brasil pela Rocco.

Robert Galbraith é na verdade ninguém menos que a própria J.K. Rowling, autora de todos os livros de Harry Potter, que foi descoberta como a verdadeira mente por trás dos romances citados acima. Com a notícia de que os casos do detetive Strike chegariam à TV pela BBC, Rowling foi anunciada como produtora executiva, acompanhando de perto o desenvolvimento da série.

A trama gira em torno da modelo Lula Landry (Elarica Johnson), encontrada morta após teoricamente se atirar de sua cobertura. O irmão da vítima, John Bristow (Leo Bill), inconformado com as conclusões de suicídio da polícia, contrata os serviços do detetive particular Cormoran Strike (Tom Burke), por este ter uma ligação com sua família e estar em recentes dificuldades financeiras.

Super modelo Lula Landry (Elarica Johnson) antes da tragédia. Foto: BBC

Durante os três episódios somos apresentados ao protagonista, um ex-militar que perdeu uma das pernas em missão no Afeganistão e filho bastardo de uma estrela da música com que não se dá muito bem. Também há a introdução de sua nova secretária Robin Ellacott (Holliday Grainger) que o ajudará não apenas a colocar em ordem seu escritório, assim como seu novo caso com suas habilidades muito convenientes.

A partir disto, muitos personagens e suspeitos entram em cena enquanto Strike tenta pouco a pouco extrair de cada um deles as verdades escondidas por trás de grandes egos, medo, irresponsabilidade e ciúmes. Tony Landry, o tio ameaçador de Lula; Tansy Bestigui a esposa de um famoso cineasta que sofre em suas mãos; Lady Bristol, a mãe adotiva da modelo e Evan Duffield o namorado excêntrico e arruaceiro de Lula; todos estes estão envolvidos na trama central de seu assassinato, junto com tantos outros.

A adaptação para televisão foi muito feliz nas caracterizações dos personagens, bem como na ambientação da série gravada exatamente nos locais citados nas páginas do livro. Cormoran passa bem a imagem de quem tem muitos problemas e tem suas relações pessoais levemente exploradas durante a produção.

Há, certamente, uma maior exploração de suas relações com sua ex companheira e sua complexa família com estrelas do rock e modelos decantes, no livro, sendo mostrado em tela apenas entre conversas e telefonemas. Já sua relação com a irmã recebe um pouco mais de atenção durante a história.

Sua relação com a perna é bastante presente e o ator Tom Burke faz excelente trabalho em retratar as dificuldades de locomoção e incômodos causados pela falta de um mebro. É interessante assistir um dos mais marcantes momentos relacionados com o personagem em que é mostrado em forma de flashback como Strike realmente perde a perna.

Apesar de deixarem de fora o foco nos dramas pessoais do detetive, a série deixa claro pontos importantes do romance como a relação de Robin com o noivo enciumado e que não apoia em nada as escolhas sobre a nova carreira da companheira, além de iniciar a relação crescente entre a secretária e Strike, que passa de apenas serviços de escritório para uma parceria e cumplicidade na hora de resolver os casos.

O Chamado do Cuco mescla bem o lado que seria glamoroso da vida de uma super modelo e dos dramas pessoais dos personagens, incluindo a própria Lula Landry. Em um típico romance policial inglês, somos transportados para as ruas de Londres e dramas familiares enquanto presenciamos o crescimento do detetive Cormoran Strike em seu primeiro caso de sucesso. A série é uma boa pedida para aqueles que apreciam uma boa adaptação vinda da literatura.

A continuação, O Bicho da Seda, já está disponível para ser assistida e também será trazida em review para o Mega Hero assim que possível. Conhecem a trilogia do detetive Strike? Qual o preferido de vocês?

Você também pode gostar

0 default-disqus:

Postar um comentário