quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Dramática #5 | Once Upon A Time


Olá, dramáticos!

O site ampliou horizontes e nada mais lógico que o Dramática também. Dessa vez eu vou fazer review de uma das melhores séries da temporada, pelo menos na minha humilde opinião, estando hoje em sua terceira temporada o drama de hoje é Once Upon a Time

Por - Gio Mad



Se você gosta de Disney e seus personagens icônicos, você vai adorar essa série! Branca de Neve, Príncipe Encantado, Fada Azul, Grilo Falante, Rainha má. Esses são só alguns poucos personagens que você vai encontrar lá. As referências se perdem na imensidão do universo dos contos de fada.

Quando todos da Floresta Encantada estavam alcançando seus finais felizes a grande Rainha Má, Regina, aparece e professa sua ameaça – Logo, tudo que eles mais amam, todas as coisas boas e a magia para alcançar finais felizes chegará a um fim e sua vingança cairá sobre todos de modo implacável. Desesperados, Branca de Neve e David (Encantado) procuram o ser mais poderoso que conhecem, Rumpelstiltskin o Ser das Trevas e senhor dos contratos. Ele então prevê que a criança que ela carrega no ventre será a salvadora de todos, mas que para isso, ela deve ir para o mundo sem magia e depois de 28 anos ela voltará e quebrará a maldição.

28 anos depois, Emma Swan, uma detetive especializada em encontrar pessoas desaparecidas, encontra seu filho de 11 anos, Henry, que ela entregou para adoção ao nascer. Henry então diz para ela que mora em uma cidade chamada Storybrook e que eles precisam voltar para lá rapidamente. Ao chegar lá, Henry conta a verdade que leu em seu livro de histórias: que a cidade está congelada no tempo e que todos que estão lá são os seres e pessoas dos contos de fada, porém eles não sabem quem são, nem sobre onde vieram e apenas vivem uma vida ordinária.

Porém, Emma viveu 28 anos muito difíceis e não acredita em contos de fadas, mas seu senso de justiça é forte e ela acaba por se envolver nos problemas da cidade tentando resolve-los. Muito a contragosto da prefeita Regina, atual mãe de Henry.

Jennifer Morrison é Emma Swan
Emma Swan

Protagonista e “salvadora” da série. Foi encontrada na beira da estrada quando recém nascida, e viveu uma vida muito dura, tendo que lidar com a criminalidade da cidade grande. É muito justa, mas também custa a acreditar nas pessoas. Diz que sua habilidade especial é descobrir se as pessoas estão mentindo.

Jared Gilmore é Henry Mills
Henry Mills

Filho de Emma e filho adotivo de Regina. Tem o nome do avô adotivo. Sabe aquelas crianças pequenas que acreditam em tudo? Então, só que em um grau muito maior. Sua fé nas coisas é tão densa que dá pra cortar na faca. Ganhou seu livro de sua professora e descobriu as verdadeiras identidades de quase todos da cidade só por suas personalidades.

Ginnifer Goodwin é Snow White
Snow (Branca de Neve) / Mary Margaret

Nossa destemida princesa que lutou por sua vida e por seu amor com garras e dentes e venceu o mal no mundo mágico, com a maldição se tornou uma professorinha assustada que tem medo de dizer a coisa errada. Ela deveria ser a protagonista da série, visto que todos os flashbacks são com ela, quase. Mas eu acho este um personagem muito fraco.

Josh Dallas é Charming
Charming (Príncipe Encantado) William / David Nolan

Nosso destemido e impulsivo príncipe é uma fofura só e ama sua esposa. Mas quando a maldição chegou, fez questão de que ambos não se encontrassem. Quando se tornou David, Charming foi encontrado na beira da estrada em coma profundo, e assim ficou por muito tempo.

Lana Parrila é Regina Mills
The Queen / Regina Mills

A culpada de tudo, guarda um passado sofrido e baseia suas ações em vingança. De acordo com ela, tudo era culpa de Snow White e fez de tudo para destruí-la. Lançou a maldição, sacrificou tudo que amava mais no mundo e tentou recomeçar no nosso mundo, sem magia, do zero. Mas parece que nada que ela queira muito ela vai conseguir.

Robert Carlyle é Rumpelstiltskin
Rumpelstiltskin / Mr. Gold

O melhor personagem da série, e o escolhido para linkar todas as tramas. Rumpelstiltskin é o “The Dark One” (O Escuro), um espectro praticamente invulnerável que tem como base contratos. Ele fia ouro, tem pele escamosa e um senso de humor maléfico. Consegue sempre alcançar seus objetivos utilizando os desejos das pessoas. Nunca faz nada sem que tenha algo em retorno. No mundo normal, é o único além de Regina que tem todas as lembranças consigo, graças ao acordo que fez com a Rainha. No nosso mundo, ele é dono da casa de penhores, dono de quase todos os imóveis da cidade e um grande mafioso. Também, como no mundo mágico, é a pessoa que todos vão atrás quando querem algo desesperadamente.

A série é brilhante, o que me prende a ela é poder reconhecer os personagens antes que a série diga quem é. Outra coisa que me fascina é o senso de humor: os personagens não pensam duas vezes em fazer trocadilhos com suas debilidades e isso eu acho extremamente charmoso em qualquer mídia.
Altamente recomendada, a terceira temporada só começou e ao mesmo tempo a série spin-off também (Once Upon a Time in Wonderland). Falando em spin-offs isso está muito na moda ultimamente, falarei mais disso em outro post.


Até mais, e que o drama comece!
Curtam minha página no Facebook e me sigam no Twitter.

Você também pode gostar

0 default-disqus:

Postar um comentário